Dr. Cléber Bidegain Pereira 
   Dr. Dante Rafael Bello
 
 

 
 

                                         SUMÁRIO 
   No  Estudo  Longitudinal  do  Burlington  Growth  Centre, PEREIRA, C. B e  
   PEREIRA, H.R. selecionaram  52 casos com oclusão normal, sem tratamento  
   ortodôntico, trouxeram cefalogramas e outras informações, nas idades 3, 6, 9,  
   12 e 20 anos, divulgando, na  Internete, os dados da análise de Steiner.  
   PEREIRA, C. B e BRANDI, A. L.P. analisaram nestes dados o comportamento  
   do angulo SNA, evidenciando-se que ele diminui em algumas idades e casos. 
   Os autores relatam e comentam estes achados.
 
                                         PROPOSIÃO 
  O presente estudo propõe-se a ampliar e comentar o comportamento do ângulo  
  SNA  apresentado, na  Internet, por PEREIRA. C. B. e BRANDI, A. L. P. em  
  casos sem tratamento ortodonico, em estudo longitudinal dos 3 aos 20 anos.
 

No Estudo Longitudinal do Burlington Growth Centre, da Universidade de Toronto (1,2), PEREIRA.C.B e PEREIRA H.R. selecionaram 52 casos com oclusão normal, sem tratamento ortodôntico (3) , trouxeram os cefalogramas ( frente e perfil ), prontuários clínicos e xerox da face oclusal dos modelos, destes indivíduos, na idades 3, 6, 9, 12 e 20 anos. Foram medidas a análise de Steiner e algumas medidas transversais. Estes dados foram divulgados na Internet por PEREIRA, C.B. e MORAES, L.M.P. (4).
PEREIRA.C.B e BRANDI, A.L.P., observaram que, nesta amostra, o ângulo ANB diminuiu em algumas idades, durante o crescimento(5).
 
 
 

                                                MATERIAL 

  Dados selecionados no Estudo Longitudinal do Burlington Growth Centre, da Universidade de  
  Toronto  (1,2),  por  PEREIRA. C. B e PEREIRA  H.R., com oclusão normal, sem tratamento  
  ortodôntico (3) , constando de  cefalogramas ( frente e perfil ),  prontuários clínicos  e xerox da  
  face oclusal dos modelos, destes indivíduos, na idades 3, 6, 9, 12 e 20 anos. Foram medidas a  
  análise de Steiner e algumas medidas transversais.

          Valores de SNA nas idade de 3, 6, 9, 12 e 20 anos
 
 

            Gráfico do ângulos ANB nas diferentes idades 
 
 

NOTA:  Seguem dados estatísticos  para serem comparados com os valores individuais
mostrado nos botões acima.  Principalmente nos estudos biológicos, os dados estatísticos "achatam" a valiosa informação individual, perdendo muito de seu valor.

                                         Dados estatísticos X  Dados individuais 
 
 

 
F E M A L E
YEARS OLD AGE
3 years
6 years
9 years
12 years
20 years
ARITHMETIC MEAN
82.375
81.955
80.932
81.205
81.659
EXTREM VALUES: UPPER
88.500
87.500
86.000
86.000
87.000
LOWER
78.550
78.000
75.000
75.000
75.500
AMPLITUDE OF VARIATIONS
10.000
9.500
11.000
11.000
11.500
STANDARD DESVIATION
3.110
2.828
2.838
2.957
2.802
COEFICIENT OFF VARIATION
3.775
3.451
3.506
3.641
3.431
STANDARD ERROR OF THE MEAN
0.898
0.603
0.605
0.630
0.597
LIMITS OF CONFIDENCE UPPER
83.987
82.992
81.973
82.289
82.687
LOWER
80.763
80.917
79.891
80.120
80.631
M A L E
YEARS OLD AGE
3 years
6 years
9 years
12 years
20 years
ARITHMETIC MEAN
80.906
80.717
80.100
80.733
81.700
EXTREM VALUES: UPPER
89.000
88.000
87.000
87.500
88.500
LOWER
75.000
72.000
71.500
70.000
71.000
AMPLITUDE OF VARIATIONS
14.000
16.000
15.500
17.500
17.500
STANDARD DESVIATION
3.615
3.669
3.358
3.829
3.985
COEFICIENT OFF VARIATION
4.468
4.549
4.192
4.743
4.877
STANDARD ERROR OF THE MEAN
0.904
0.670
0.613
0.699
0.727
LIMITS OF CONFIDENCE UPPER
82.491
81.855
81.141
81.921
82.936
LOWER
79.322
79.579
79.059
79.546
80.464
 As médias não são representativas de realidade. Mostra-se aqui, justamente,  
com   a   intenção  de  que  se  avalie  a   pobreza  da  informação   quando  se  
transformam dados individuais em médias. 
 
 
Representação gráfica, com a intenção de evidenciar 
o que ocorre quando o crescimento vertical de Nasion 
é maior do que o crescimento vertical do Ponto A. ( neste 
caso não se inseriu crescimento em A para exemplificar  
melhor). 
Sempre que há maior crescimento vertical de Nasion, o  
que ocorre com relativa freqüência, o ângulo SNA diminui.  
Assim, não é surpreendente que um 
paciente em crescimento apresente tenha diminuição de 
SNA sem ter usado nenhuma aparatologia ortodôntica.
 
 
 
 
 
 
 

                            NOTA: Os trabalhos referidos na bibliografia encontram-se, na íntegra,
                            ao clincar nos respectivos botões
 
 

           1 -The Burlington Orthodontic Research Centre -   F. Popovich 

            2 - Avaliação Longitudinal - Thompson e Popovich 

              3 - Estudo no Material do  BURLINGTON GROWTH CENTRE 
 

             4 - Informações e dados  do Estudo de Pereira e Pereira
 

            5 - Ângulo SNA diminui com o crescimento 
 

             Tabelas Cefalométricas  variadas medidas 

              Gráficos  de varias medidas 
 
                Ponto  X  de Beatty