INTRODUÇÃO:

Ausência congênita de dentes merecem cuidados especiais no Planejamento. O diagnóstico pode ser semelhante, mas o Plano de Tratamento diferente segundo peculiaridades de cada caso.
Apresentamos dois casos semelhantes: Ausência congênita de UM  ( 1 ) dos Incisivos Laterais Superior com severo desvio da linha média. Cada um deles seguiu conduta diferente, por peculiaridades próprias.

CASO 1
Ausência congênita do 22, com o 12 em boas condições. Severo desvio da linha média superior.
O procedimento recomendado, aceito pelo paciente, foi extrair o Incisivo Lateral remanescente e tornar o caso simétrico, o que proporciona melhores possibilidades de êxito. Os novos recursos da dentística  animam investir em planejamento deste tipo.  Os Caninos podem ser transformados em Laterais com excelentes resultados 1.
 

O 12 foi extraído, tendo o paciente como cúmplice da decisão. O caso tornou-se  simétrico  e  mais fácil  de  tratar.  Um  dente provisório foi colocado e, a medida que se distalava o 11, este provisório foi sendo desgastado.

CASO 2
Igual que no caso anterior, ausência congênita do 22, com o 12 em boas condições e severo desvio da linha média superior. Porém, há um espaço por perda prematura do 2º Prémolar ( 15 ), com prótese provisória, que induz a planejamento diferente do caso anterior.
Optou-se por correr todos os dentes para o espaço já existente. O paciente foi informado da possibilidade de extrair o 12 e tornar o caso simétrico, com melhores possibilidades de êxito na recolocação da linha média. No entanto,  nossa recomendação seria aceitar o desafio de ocupar o espaço já existente.
O paciente concordou que, mesmo não se conseguindo reposicionar a linha média no seu exato lugar, era preferível ocupar o espaço existente do que extrair o 12.
 

Caso semelhante ao anterior com conduta diferente. Há um espaço por perda, prematura.
de  2º Prémolar,  com  prótese  provisória,  que induz  a  planejamento  diferente  do  caso 
anterior.  Optou-se  por correr  todos os dentes para o espaço já existente. O paciente foi 
advertido que não se conseguirá reposicionar a linha média no seu exato lugar.


1 -  Ausência de dois incisivos laterais