UMA EXCELENTE  NOTÍCIA 
 

As empresas que atuam nos Seguros de Saúde Bucal são agora obrigadas a filharem-se ao Conselho Federal de Odontologia. Esta obrigatoriedade permitira que o Conselho fiscalize estas Seguradoras.



TRANSCRIÇÃO PARCIAL DE ENTREVISTA DO DR. WALDIR GREC  -  JORNAL DO CONELHO FEDERAL DE ODONTOLOGIA - ANO VII - NO 27 - JANEIRO 1999

ACABARAM-SE OS DESMANDOS DOS CONVÊNIOS ODONTOLÓGICOS

Waldir Grec

"Isto, porém, mudou com o advento da Lei 9.656, que esta em vigor desde 04 de janeiro de 1999 e que determina: todas as empresas que intermediam atendimento odontol6gico, sob qualquer denominação, sejam estas convênios, cooperativas, operadoras de planos de assistência odontológica, auto-gestão, etc., são expressamente obrigadas a registrarem-se no Conselho Regional de Odontologia.

 Para obter tal registro, tem que atender a uma série de quesitos, dentre estes o de apresentar um Cirurgião Dentista como técnico responsável, o que significa que todas as empresas devem obedecer aos regulamentos impostos pelo principal órgão representativo da classe odontol6gica, todas devem obediência ao Código de Ética odontológica, todas tem que responder por seus atos e tratamentos.

 Quando alguma infringir a Lei, as normas do Conselho ou o Código de Ética, este tem como localizá-las, de quem cobrar e como puni-las com respaldo legal. Pode ainda denunciá-las a SUSEP, que imporá sanções pesadíssimas com multas que chegam a R$ 50.000,00 até o cancelamento da autorização de funcionamento.

 Como reflexo imediato disto, ganham inicialmente as boas empresas, as honestas e legais, pois podem competir em condições de igualdade com suas concorrentes, uma vez que todas devem agir dentro de normas e regras claras e precisas. Ganham os profissionais que prestam serviços a estas empresas pois devem ser respeitados como tais, e ganha o consumidor de atendimento odontológico, ou seja, o Cliente, que deve ser o principal objetivo de toda esta regulamentação ".


                     Veja entrevista na íntegra no Jornal do CFO